‘Não adianta chorar agora’, diz deputado sobre nova cepa em MT

Data:

Compartilhar:

Allan Mesquita/GD



Deputado federal Dr. Leonardo (SD) defendeu o envio de doses extras da vacina contra covid-19 para conter a proliferação da variante colombiana, que foi descoberta após a realização da Copa América em Cuiabá. Em entrevista à imprensa, o parlamentar, que também é medico, disse que não adianta lamentar a descoberta da nova cepa, mas evitar que novas cepas cheguem ao Estado


“O pior já aconteceu, não quero saber quem é o culpado, eu quero que o Ministério da Saúde mande mais vacinas para Mato Grosso. Não é só para faixa de fronteiras, tem que imunizar a população em massa. Não adianta chorar o leite derramado”, disse.


Neste mês, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) confirmou que duas pessoas das delegações da Copa América testaram positivo para a covid-19, pelo Laboratório Central do Estado de Mato Grosso (Lacen-MT).


O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), que desde o início se posicionou contra o campeonato, culpou o governador Mauro Mendes (DEM) pela descoberta da nova variante. Na ocasião, o gestor também reiterou o pedido de doses extras da vacina ao Ministério da Saúde.


O parlamentar, por sua vez, defendeu a organização da competição em Cuiabá e disse que o risco era previsto. “A organização foi muito boa, a sede Cuiabá foi uma das mais elogiadas do país, tanto que a Seleção Brasileira queria jogar aqui e não pôde. Infelizmente tinha esse risco e isso aconteceu. Vieram jogadores contaminados de outros país e trouxeram a variante. É uma pena, mas agora precisamos de mais vacina, até mesmo para evitar que uma nova variante saia daqui”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PROPOSITURAS

Notícias relacionadas