Entrega de maquinários é uma das últimas ações de Blairo no governo

Data:

Compartilhar:

O governador Blairo Maggi fez hoje uma das principais ações do seu 2º governo ao repassar para 141 municípios 705 patrols, pás-carregadeiras, retroescavadeiras e caminhões em regime de comodato para recuperar rodovias estaduais, estradas vicinais e serem feitas outras obras. Por tabela, Blairo aproveitou para rebater críticas que a maioria de suas ações são para a área de infra-estrutura, principalmente em rodovias para escoamento da safra agrícola. "As máquinas que entregamos hoje às Prefeituras servirão para arrumar as estradas. Estradas essas pelas quais são transportados não só grãos e gado, mas também e principalmente pessoas, felicidade, saúde e educação", discursou para prefeitos, deputados e senadores – alguns de partidos da oposição.

Blairo, que deixa o governo em menos de 60 dias e já anunciou que retornará para Rondonópolis, disse "estar muito feliz por ter conseguido abrir um espaço fiscal no orçamento para adquirir os equipamentos", já que. segundo ele há cerca de 15 anos o Estado não tinha capacidade de endividamento para financiar nada, por conta de dívidas deixadas por governos passados. "Desde que assumi o governo em 2003 até a compra dessas máquinas, não tínhamos conseguido financiar uma agulha sequer nessa gestão", lembrou Maggi.

O vice-governador Silval Barbosa disse que acompanha a luta dos prefeitos por melhorias em seus municípios desde que administrou a cidade de Matupá e que por isso sabe bem como é querer fazer mas não ter como, pelo fato da capacidade de endividamento do município estar exaurida. "Depois de anos sem poder adquirir nenhum financiamento, o primeiro que o Estado adquiriu foi esse de R$ 250 milhões para atender os municípios. Este governo realmente entra pra história e quebrou muitos paradigmas com a pavimentação de cerca de 3 mil quilômetros de novas estradas, a construção e reforma de mais de 3,5 mil metros de pontes, e de 6 mil quilômetros de restaura e conversa das rodovias", disse Silval.

O presidente da Associação Matogrossense dos Municípios e prefeito de Jauru, Pedro Ferreira, citou o exemplo do seu município como sendo a regra para pelo 80% das demais cidades do Estado. "Há 25 anos Jauru não tinha máquinas para trabalhar nas estradas municipais e hoje saímos daqui com R$ 2 milhões em equipamentos. A partir de amanhã começa uma nova história para nosso município graças a essa iniciativa do governo do Estado", disse Pedro.

Os maquinários foram distribuídos da seguinte forma:
Região Alto do Rio Paraguai / 69 veículos – Os municípios de Alto Paraguai, Arenápolis, Denise, Nortelândia, Nova Maringá, Nova Olímpia, Porto Estrela e Santo Afonso receberão duas máquinas e dois caminhões cada um. Já Barra do Bugres, Campo Novo, Nova Marilândia e Sapezal serão contemplados com duas máquinas e três caminhões cada um. Coube aos municípios de Diamantino três máquinas e três caminhões, ao de São José do Rio Claro uma máquina e três caminhões e a Tangará da Serra três máquinas e quatro caminhões.

Região Nascentes do Pantanal / 51 veículos – Araputanga e Cáceres receberão uma máquina e três caminhões cada uma. Já os municípios de Curvelândia, Gloria D"Oeste, Indiavaí , Lambari D" Oeste e Reserva do Cabaçal terão a cessão de uso de duas máquinas e dois caminhões cada uma. Coube aos municípios de Mirassol D" Oeste, Porto Esperidião, Salto do Céu e São José dos Quatro Marcos duas máquinas e três caminhões para cada um. Com uma máquina e dois caminhões contará Rio Branco.

Região Vale do Guaporé / 44 veículos – Conquista D"oeste, Rondolândia e Campos de Júlio receberão uma máquina cada uma e respectivamente dois, três e quatro caminhões. Já os municípios de Figueirópolis, Nova Lacerda, Vale do São Domingos e Vila Bela da Santíssima Trindade obterão quatro veículos cada um, sendo duas máquinas e dois caminhões. Coube a Comodoro e Jauru duas máquinas e três caminhões para cada. E Pontes e Lacerda foi contemplada com duas máquinas e um caminhão.

Região Alto do Teles Pires / 59 veículos – O município de Vera contará com cinco caminhões, Feliz Natal com uma máquina e dois caminhões, tanto Nova Ubiratã quanto União do Sul receberão cada uma três caminhões e uma máquina. Para Cláudia são cedidos duas máquinas e um caminhão. Já Ipiranga do Norte, Santa Rita Trivelato e Santa Carmem disporão de quatro veículos cada uma, sendo duas máquinas e dois caminhões. Em Nova Mutum serão duas máquinas e três caminhões. Seis veículos, sendo duas máquinas e quatro caminhões farão parte da frota rodoviária de Lucas do Rio Verde, Sinop e Sorriso. Em Tapurah a prefeitura contará com três máquinas e dois caminhões.

Região Portal da Amazônia / 46 veículos – Os municípios de Colíder, Marcelândia, Matupá e Peixoto de Azevedo, receberão cada um duas máquinas e três caminhões. Receberão duas máquinas e dois caminhões os municípios de Itaúba, Nova Santa Helena, Novo Mundo, Terra Nova do Norte e Nova Canaã do Norte. Nova Guarita contará com uma máquina e dois caminhões, já Guarantã do Norte com três máquinas.

Região Vale do Teles Pires / 26 veículos – Alta Floresta receberá três máquinas e dois caminhões e Nova Bandeirantes duas máquinas e três caminhões. Nos municípios de Apiacás, Carlinda, Nova Monte Verde e Paranaíta serão entregues duas máquinas e dois caminhões para cada uma.

Região Vale do Rio Cuiabá / 72 veículos – A capital do Estado, Cuiabá e o município de Várzea Grande receberão o maior número de máquinas dentre os municípios do Estado. Ambas receberão oito caminhões cada uma, mas à Várzea Grande coube quatro máquinas e a Cuiabá cinco. Acorizal, Chapada dos Guimarães, Jangada, Nobres, Nossa Senhora do Livramento, Planalto da Serra, Poconé e Rosário Oeste serão contempladas cada uma com duas máquinas e dois caminhões. Para Barão de Melgaço, Nova Brasilândia e Santo Antonio do Leverger serão encaminhados duas máquinas e três caminhões para cada uma.

Região Vale do Juruena / 27 veículos – Em Aripuanã, Cotriguaçu e Juruena, serão enviados para cada cidade duas máquinas e dois caminhões. Tanto Colniza, quanto Juína receberão duas máquinas cada uma, no entanto, Colniza contará com três caminhões e Juína quatro. Para Castanheira três máquinas e um caminhão.

Região Portal do Araguaia / 39 veículos – Barra do Garças receberá três máquinas e cinco caminhões. Os municípios de Araguaiana, General Carneiro e Torixoréu contarão com duas máquinas e três caminhões cada um. Já aos municípios de Novo São Joaquim, Pontal do Araguaia, Ponte Branca e Ribeirãozinho coube duas máquinas e dois caminhões para cada um.

Região Médio Araguaia / 47 veículos – Coube a Querência uma máquina e quatro caminhões, a Nova Xavantina três máquinas e três caminhões e para Canarana quatro máquinas e dois caminhões. Para Nova Nazaré e Cocalinho serão enviados duas máquinas e dois caminhões para cada uma. Duas máquinas e três caminhões foram destinados tanto para Campinápolis quanto para Ribeirão Cascalheira. Já Água Boa e Gaúcha do Norte receberão cada uma duas máquinas e quatro caminhões.

Região Nascentes Araguaia / 37 veículos – Alto Garças foi agraciada com três máquinas e quatro caminhões, Alto Taquari e São José do Povo receberão duas máquinas e três caminhões cada uma. Coube aos municípios de Alto Araguaia, Araguainha, Guiratinga, Itiquira e Tesouro vinte veículos, distribuídos em duas máquinas e dois caminhões para cada um.

Região Região Sul / 49 veículos – O município de São Pedro da Cipa receberá uma máquina e dois caminhões, Primavera do Leste duas máquinas e quatro caminhões, Poxoréu três máquina e dois caminhões e Rondonópolis cinco máquinas. A Campo Verde e Pedra Preta couberam a cada uma duas máquinas e três caminhões. Já os municípios de Dom Aquino, Jaciara, Juscimeira, Paranatinga e Santo Antonio do Leste receberão cada um duas máquinas e dois caminhões.

Região Vale do Arinos / 26 veículos – Os municípios de Brasnorte, Itanhangá, Novo Horizonte do Norte, Porto dos Gaúchos e Tabaporã ficarão com duas máquinas e dois caminhões cada um. Apenas Juara contará com duas máquinas e quatro caminhões.

Região Araguaia / 26 veículos – Tanto Alto Boa Vista quanto Novo Santo Antonio receberão duas máquinas e três caminhões enquanto os municípios de Bom Jesus do Araguaia, Luciara, São Felix do Araguaia e Serra Nova Dourada contarão com duas máquinas e três caminhões cada um.

Região Norte Araguaia / 30 veículos – Confresa e Vila Rica receberão duas máquinas e três caminhões cada uma. Já para os municípios de Canabrava do Norte, Porto Alegre do Norte, Santa Cruz do Xingu, Santa Terezinha e São José do Xingu foram destinados duas máquinas e dois caminhões para cada.

Sinfra / 57 veículos – A Secretaria de Infraestrutura reservou para seu quadro de equipamentos dez máquinas e quarenta e sete caminhões que reforçarão as patrulhas já existentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PROPOSITURAS

Notícias relacionadas